Bispo do Povo, Dom Manoel Delson.

0
304

Bispo do Povo

“Não se perturbe o vosso coração. Se acreditais em Deus, acreditai também em mim. Na casa de meu Pai há muitas moradas”. Jesus assegura para os seus que na casa do Pai, no Reino da Eternidade, são muitas moradas. E Ele foi preparar o lugar para acolher aos seus. A nossa fé aponta para a vida eterna e cremos na Ressurreição. “Quem crê em mim não morrerá, mas viverá eternamente”.

O nosso querido irmão, Dom José Maria Pires, Arcebispo Emérito da Paraíba, concluiu sua vida terrestre e agora é acolhido entre os eleitos no Reino prometido para os que pertencem a Cristo. Ele pertence a Cristo pelo Batismo recebido e na fé batismal viveu seus 98 anos. Ele considerava a data de nascimento o dia do Batismo. Ele pertence a Cristo pelo sacramento da Eucaristia que recebia e celebrava. Da Eucaristia, sua vida era nutrida e alimentada. A presença do Senhor na Eucaristia era o seu banquete diário, onde vivia a profunda unidade com o Senhor, que disse: “Quem come minha carne e bebe meu sangue permanece em mim e eu nele”. Quando se sentia frágil e pecador, confessava seus pecados e se reconciliava com o Senhor a quem se entregava confiando na sua infinita misericórdia.

Como ungido do Senhor, viveu a Crisma, o Presbiterado e o Episcopado como cristão, sacerdote e bispo, apóstolo do Filho de Deus. Sua vida foi toda ordenada para viver o Evangelho e servir ao Senhor, amando sua Igreja, que a tomou como esposa e lhe foi fiel. Recebeu os sacramentos com fé e em cada momento professou como Pedro: “Tu és o Cristo, o Filho de Deus vivo”. Foi um servidor da Igreja em Minas Gerais, sua terra natal, e na Paraíba, terra que ele adotou como sua, fazendo-se cidadão paraibano, título que ele recebeu porque se identificava com o povo paraibano como pastor e pai espiritual.

Dom José Maria Pires deixou um testemunho evangélico de compromisso com o povo paraibano, com os mais pobres, com os excluídos da sociedade. Incentivou o protagonismo dos leigos, formando lideranças e delegando responsabilidades. Seu testemunho de simplicidade e opção pelo Pacto das Catacumbas marcaram seu estilo de vida e sua coerência em ser bispo do povo e para o povo. Por tudo isso, Dom José pertenceu a Jesus Cristo e se comportou como um fiel seguidor do Filho de Deus.

Obrigado Deus por nos ter dado Dom José Maria Pires! Obrigado Dom José pelo irmão, pelo pai, pelo pastor, pelo amigo, pelo orientador, pelo conselheiro que o senhor foi para este povo da Arquidiocese da Paraíba. Deus o tenha no Reino do Céu!

Dom Manoel Delson

Arcebispo Metropolitano da Paraíba